domingo, 2 de novembro de 2008

"Tão" a ver?!

Que melhor exemplo para documentar o que escrevi no post anterior que as reacções desvairadas às declarações de Manuela Ferreira Leite?! A afirmação que as grandes obras públicas anunciadas pelo governo não contribuirão para baixar os índices de desemprego em Portugal, mas sim na Ucrânia e em Cabo Verde, gerou já um coro de protestos das tais associações que então referi, que consideram essas declarações xenófobas, racistas e outras coisas igualmente disparatadas.

Reafirmo. O politicamente correcto está a matar a nossa liberdade de expressão. A continuarmos assim ainda um dia alguém vai preso se ousar dizer que o equipamento da Académica é preto. O melhor será irmo-nos habituando a dizer que é negro…

1 comentário:

  1. Mas que a gaja é parva, isso é. É cada tiro cada melro.

    ResponderEliminar