segunda-feira, 18 de maio de 2009

Os gurus

“Nunca, como agora, tantos escreveram para tão poucos”. Pelo menos é o que garante um auto proclamado guru da blogosfera nacional referindo-se, de forma depreciativa, à quantidade de blogues que actualmente se publicam na internet. Não sei se o homem tem ou não razão. Nem é coisa que me interesse por aí além. Sei apenas que alguns blogues me impressionam pelo seu brilhantismo e comentários que por aí se vão vendo revelam que os que lêem podem não ser muitos mas são, (r)/(v)isivelmente, bons.

3 comentários:

  1. ui! Pumba! Pensou e escrevou. Duro e seco, tal como a malta pede.

    ResponderEliminar
  2. Podem ser muitos a escrever para poucos e ele tem razão, mas no meio de tanta variedade a mediocridade diminui, apenas se tem que procurar mais.

    ResponderEliminar