terça-feira, 12 de janeiro de 2010

Noticias sobre as quais não me apetece escrever

São vários os temas que mereceram hoje um inusitado destaque nos noticiários radiofónicos e televisivos. Hesito entre pronunciar-me sobre as declarações de Pinto da Costa, o escândalo sexual que alegadamente envolve a mulher do primeiro-ministro irlandês e as previsões do Banco de Portugal relativamente ao crescimento económico para 2010.
Acerca do que disse o Presidente do clube de futebol do Porto não me apetece escrever grande coisa. O homem falou de coisas estranhas que tem ocorrido ou que estarão para ocorrer e deixou no ar a insinuação que haverá resultados desportivos que estarão a ser fabricados. É possível que sim. Destas coisas sabe ele melhor do que ninguém e, a nível futebolístico, os resultados dos últimos trinta anos são a melhor prova disso.
Escândalos sexuais também não são para aqui chamados. A senhora terá resolvido enrolar-se com um jovem que podia, pela tenra idade, ser seu neto e agora o marido suspendeu o mandato por uns tempos para ver se consegue salvar o casamento. Pois. O curioso da coisa é que se trata do chefe do governo que aprovou a lei, recentemente entrada em vigor, que pretende punir a blasfémia. O que é que tem uma coisa a ver com a outra? Assim de repente não me lembro de nada. A não ser que o diabo também tem cornos.
Sobre as previsões do Banco de Portugal quanto ao comportamento da economia também não me agrada dissertar. Ainda há seis meses previa um crescimento negativo de 0,6 por cento – ainda estou para saber como é que algo cresce negativamente – e agora já acredita que, afinal, a economia portuguesa vai crescer 0,7 por cento em 2010. Não me alongo em considerandos acerca do assunto, mas tiraria o meu chapéu, se o usasse, a este nível de coerência e ao grau de credibilidade que elas transmitem.
Perante notícias como estas fico sem palavras para escrever. O que, no caso, é bom. Ao ouvi-las começo a pensar que este é um blogue sério. Credível, até.

3 comentários:

  1. Futebol, sexo e €...
    São excelentes ingredientes para se falar, ouvir e vender!

    FUTEBOL:
    - Pinto da Costa ilibado das "acusações"...
    Que acusações?!
    - O homem não conhece, nem árbitros e auxiliares, nem advogados, nem dirigentes. É tudo mentira! Ele nunca teve envolvido com a put* da Carolina Salgado!
    É tudo mentira!

    SEXO:
    - A esposa (Sra. Iris Robison de 60 anos) do 1º ministro irlandês (Peter Robinson), é moderna, excentrica e fez muito bem em ter 1 caso extra-conjugal!
    Ela veio provar, com este acto, que o "AMOR" não tem idade (ela de 60 e ele de 19)!
    O esposo (Sr. Peter), mais moderno ainda perdoa-a e retirou-se temporariamente para "salvar o casamento" (?!)
    A noticia mais recente é que teve outro amante na decada de 80...
    Modernaça e não se vive "poligamia" no ocidente... Só tou impressionada por ser 1 MULHER, porque normalmente estes casos "picantes" acontece mais na versão masculina...
    Quem blásfamou?!

    BANCO DE PORTUGAL €UROS:
    - Atenção! São "previsões"...
    Não certezas de que vamos realmente "crescer" economicamente os 0,7%!
    O tempo dirá a % que vamos subir...
    Esta conversa é só para "contentar" a Portuguesa Nação e a imprensa Nacional e Europeia falar da gente....
    Quem disse que não vamos subir os 0,7%?! Quem?
    (Pena não ser bruxa!)
    MFCC

    ResponderEliminar
  2. É pá. Esta carrada de noticias marca mesmo a actualidade. Muito boa esta resenha.

    ResponderEliminar
  3. Como é que alguém condenado pela justiça desportiva - por um órgão jurisdicional que exerce o poder público delegado pelo Estado – continua a ignorar esse castigo, debitando ofensas contra outros clubes, confundindo responsabilidade desportiva com a civil? Não obteve absolvição desportiva e viu mesmo o seu clube do qual é presidente ser castigado, mesmo assim, com a presunção que lhe é conhecida, vem arvorar-se em paladino da honestidade por terem sido arquivados todos os processos criminais exigindo uma investigação que ele designa por “apito encarnado”. Tal satisfação só é comparável ao facto de as escutas telefónicas terem sido declaradas inválidas em processos disciplinares desportivos... O nervosismo do senhor Pinto da Costa é evidente: fechando-se a torneira dos milhões da Liga dos Campeões, a gestão do seu clube ficará seriamente ameaçada. Aliás, era interessante explicar aos seus consórcios o motivo do FC Porto apresentar resultados financeiros nada favoráveis, mesmo com as vendas lucrativas de jogadores. Em contrapartida, o seu maior rival que está na frente do campeonato, dá espectáculo, enche estádios, bate recordes em número de sócios, lança um canal televisivo, inventa novas formas de financiamento e, mais importante do que tudo, falta pouco para o Benfica voltar a deter os seus direitos televisivos e cedê-los pelo preço que efectivamente a sua gigantesca massa de adeptos merece.

    http://dylans.blogs.sapo.pt/

    ResponderEliminar