domingo, 8 de setembro de 2013

Cagarras falantes


Não faltaram alarves a ironizar acerca da deslocação do Presidente da República às Ilhas Selvagens. Gente sábia e geralmente bem informada, quase sempre. A mesma que irá debitar baboseiras sem conta, de índole patrioteira ou de natureza pacifista conforme os gostos, quando, numa qualquer manhã, a bandeira espanhola estiver içada naquele – por enquanto – território português. Mas isso será depois. Por agora nem um pio a lamentar a figura deplorável que fizeram quando se fartaram de gozar com as cagarras. Deve ser porque ainda não perceberam o motivo da deslocação do homem àquelas paragens. O que não deixa de ser estranho para gente tão esperta.

5 comentários:

  1. Não acredito nesse cenário, gosto de pensar que ainda há direito internacional. Quanto às cagarras, desde que visitei São Jorge que sou fã das bichas! Abraço!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Isto com os espanhóis nunca se sabe. Os gajos não são de fiar!

      Eliminar
  2. POis o Sr.Façarei deve ter negociado mais uma venda a retalho. Enfim!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ná...O homem não fazia uma coisa dessas. Já se fosse o badocha do soares...

      Eliminar
  3. Pedimos desculpa mas é apenas para divulgar. Um casal, a crise, poupanças e histórias de quem vive a crise como muitos outros, mas onde a poupança é o melhor remédio. Pode passar a mensagem…? Obrigado!

    http://ocarteiravazia.blogspot.com/

    ResponderEliminar