sábado, 3 de novembro de 2007

Sanear é preciso

Os portugueses vão, dentro de algum tempo, ter mais um aumento. De preços claro. O governo tem um Plano, estratégico como convém, que vai levar a um fortíssimo aumento da taxa de saneamento que, mensalmente, todos os consumidores pagam. A lógica da coisa é a seguinte. Cerca de 90% da água consumida numa residência vai, depois de utilizada, para a rede de saneamento básico e é posteriormente tratada. O que acarreta custos, como não é difícil calcular. Mais fácil ainda é adivinhar quem os vai pagar...e a um euro por metro cúbico, segundo o mesmo Plano! Por este preço o melhor mesmo será começar a cagar no passeio e a mijar no poste para poupar nas descargas do autoclismo.

2 comentários:

  1. Até tem muita razão!
    No entanto não deiso de ver pessoas agarradas ás pontas das mangueiras a gastar rios de água, a o chão do quintal; os pópos e outras que tais!
    Pelos vistos ainda é barata demais!

    ResponderEliminar
  2. Kruz Kredo9:51 da tarde

    Ó Kruzes, pá; para um gajo (com todo o respeito) da situação, estou admirado contigo. Até pareces dos bons.

    ResponderEliminar